O que fazer quando o bebê se engasgar?

bebe 1a
Cuidados importantes para o bebê aproveitar o melhor da estação
10 de maio de 2016
mae e bebe1
Alergia ao leite?
10 de maio de 2016
heimlich1

Por Rita Trindade

A primeira coisa a fazer numa situação de susto como esta é manter-se calmo (a) e avaliar rapidamente a situação. Se o bebê não consegue chorar nem tossir, provavelmente as vias aéreas estão fechadas, e você vai precisar ajudá-lo a voltar a respirar. Ele pode estar fazendo ruídos estranhos ou abrindo a boca sem emitir nenhum som. Se o bebê estiver tossindo, com ânsia de vômito ou com dificuldade para respirar, é boa notícia: as vias aéreas não estão totalmente bloqueadas. Deixe seu filho tossir. Tossir é o método mais eficaz de desimpedir as vias aéreas.

A pediatra Caroline Moraes Oliveira explica que o engasgo ocorre quando um conteúdo líquido ou sólido entra em contato com as vias aéreas inferiores da criança. “Na tentativa de expulsar o conteúdo ‘estranho’ o bebê inicia crises de tosse. Isso pode ocorrer nos casos em que o leite regurgitado ou outro material que a criança possa levar a boca ‘entrar’ em suas vias aéreas”, declara. Nessa situação, a pediatra esclarece que a criança irá tossir e isso será muito benéfico, pois a tosse tem a capacidade de expelir o conteúdo para fora. “Quando o bebê não tosse ou fica ‘roxo’ são necessárias manobras específicas para retirada do conteúdo para fora das vias aéreas, pois nesse caso as vias aéreas não estão pervias e há a necessidade imediata da retirada do corpo estranho para fora”, alerta.

No caso do bebê não respirar sozinho você deve seguir os passos relatados abaixo:

Deitar o bebê sobre as suas pernas de barriguinha para baixo, de modo que a cabeça dele esteja mais baixa que o corpo; Com alguma pressão dar 5 tapinhas seguidos nas costas do bebê. Se ainda estiver engasgado, virar o bebê de barriga para cima, ainda sobre as pernas, e fazer massagem cardíaca com dois dedos, pressionando o tórax do bebê várias vezes seguidas. Provavelmente dessa maneira o bebê conseguirá vomitar ou expelir o objeto da garganta. Se não conseguir e o bebê ainda estiver sem respirar tente uma respiração boca a boca, colocando a sua boca na boca e nariz do bebê.

Não tente retirar o objeto com suas mãos. Se suas manobras obtiverem sucesso e você conseguir desengasgar o bebê esteja atento (a) a ele, sempre observando-o. Em caso de alguma dúvida leve-o ao Pronto Socorro. Se não conseguir, ligue para o 192 e chame uma ambulância.

Segundo os especialistas, os maiores causadores de episódios de engasgo são:

– Caroço de feijão, de arroz e pedaços de fruta, como maçã (mas isso não quer dizer que você não deva dar esses alimentos ao bebê – apenas mantenha-se atento (a) enquanto ele come)

– Peças pequenas que se desprendem de brinquedos

– Bolinhas de gude

– Pilhas e baterias

– Tampas de caneta

– Moedas e botões

– Parafusos

– Balas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *